Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

IZOTON - HUMOR

- Um blog de um brasileiro de Vila Velha-ES, elaborado em um Provedor português. Obrigado, Equipe SAPO! Este blog é feito com muito amor, e com muito humor. O meu lema: Viver a vida a sério, mas brincando. O meu objetivo: Fazer alguém sorrir.

IZOTON - HUMOR

- Um blog de um brasileiro de Vila Velha-ES, elaborado em um Provedor português. Obrigado, Equipe SAPO! Este blog é feito com muito amor, e com muito humor. O meu lema: Viver a vida a sério, mas brincando. O meu objetivo: Fazer alguém sorrir.

08.04.11

UMA PIADA OXIGENADA


izoton

 

UM VÔO ESPECIAL PARA LOURAS

          Um avião está voando de Paris para Toronto, quando uma loura, que estava sentada na classe econômica, levantou-se, dirigiu-se para a classe especial, e ali ela sentou-se. A Aeromoça, que a tudo observava, foi até onde ela estava sentada, pediu-lhe a passagem, e lhe disse:

          — Moça, você pagou para viajar na classe econômica, portanto você deve sentar-se nas poltronas lá dos fundos do avião.

          Mas a loura lhe disse:

          — Eu sou loura, sou bonita, estou indo para Toronto, e não vou sair daqui da classe especial.

          A Aeromoça foi até a cabine do Comandante e falou com o Piloto, e com o Copiloto sobre a loura que deveria estar na classe econômica, mas que tinha ido para a classe especial. O Copiloto foi até onde estava a loura, e procurou explicar-lhe que ela tinha que voltar para a poltrona da classe econômica. Mas a loura lhe disse:

          — Eu sou loura, sou bonita, estou indo para Toronto, e não vou sair daqui da classe especial.

          O Copiloto voltou à cabine, e contou a situação ao Piloto, sugerindo que fosse avisado à Polícia para que a loura fosse detida, logo que o avião aterrissasse em Toronto. Então o Piloto lhe perguntou:

          — Ei, você me disse que ela é loura?

          — Sim...

          — Então eu vou conversar com ela. Eu sou casado com uma loura, e entendo bem de loura...

          E então o Piloto foi até onde estava sentada a loura, e lhe disse alguma coisa ao ouvido, bem baixinho. Imediatamente a loura lhe disse:

          — Oh, você me desculpe!

          Em seguida a loura levantou-se e foi sentar-se ao fundo, na poltrona da classe econômica. O Copiloto e a Aeromoça, que observavam à distância, perguntaram ao Piloto o que ele tinha dito à loura. E o Piloto lhe disse:

          — Eu disse apenas isso, para ela: — Moça, a classe especial não está indo para Toronto.