Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

IZOTON - HUMOR

- Um blog de um brasileiro de Vila Velha-ES, elaborado em um Provedor português. Obrigado, Equipe SAPO! Este blog é feito com muito amor, e com muito humor. O meu lema: Viver a vida a sério, mas brincando. O meu objetivo: Fazer alguém sorrir.

IZOTON - HUMOR

- Um blog de um brasileiro de Vila Velha-ES, elaborado em um Provedor português. Obrigado, Equipe SAPO! Este blog é feito com muito amor, e com muito humor. O meu lema: Viver a vida a sério, mas brincando. O meu objetivo: Fazer alguém sorrir.

13.09.14

NA LÍNGUA


izoton

 

DO EFE

          Um homem foi ao restaurante, sentou-se à mesa, acenou ao Garçom, com o braço, e lhe disse:

          — Faz favor: Frango frito, favas, farinha...

          — Acompanhado com o quê?

          — Feijão.

          — Deseja beber alguma coisa?

          — Framboesa fresca.

          — Deseja um pãozinho antes da refeição?

          — Fatias fininhas.

          O Garçom anotou o pedido, e saiu, pensando: "Tudo o que esse homem fala, começa com F..." Uma meia hora depois, quando o homem tinha terminado a refeição, o Garçom lhe perguntou:

          — Vai querer sobremesa?

          — Fruta.

          — Tem alguma preferência?

          — Figos.

          Depois de servir a sobremesa, o Garçom lhe perguntou:

          — Deseja um café?

          — Forte, fervendo.

          Quando o cliente terminou o café, o Garçom lhe perguntou:

          — E então, como estava o cafezinho?

          — Frio, fraco, fedorento. Faltou filtrar formiguinha flutuando...

          Então o Garçom pensou: "Vamos ver até onde ele vai". E lhe perguntou:

          — Como o senhor se chama?

          — Francisco Fagundes Faria Filho.

          — E de onde o senhor vem?

          — Fundão.

          — O senhor trabalha?

          — Fui ferreiro.

          — E deixou o emprego?

          — Fui forçado.

          — Por quê?

          — Faltou ferro.

          — E o que o senhor fazia?

          — Ferrolhos, ferraduras, facões...

          — O senhor tem algum clube favorito?

          — Fui Fluminense.

          — E deixou de ser, por quê?

          — Futebol fraco, feio...

          — E qual é o teu clube, agora?

          — Flamengo.

          — O senhor é casado?

          — Fui.

          — E a tua esposa?

          — Faleceu.

          — De quê?

          — Fisgadas, furúnculos, frieiras... Ficou fraquinha... Finou-se.

          O Garçom perdeu a calma, e lhe disse:

          — Olhe! Se você disser mais 10 palavras começadas com a letra F, você não paga a conta!

          — Formidável, fantástico. Fiquei feliz! Foi fácil ficar falando frases...

          O homem levantou-se, e se dirigiu para a saída, mas o Garçom o deteve, e lhe disse:

          — Espere aí, senhor! Ainda falta falar uma palavra começada com a letra F, né...

          Então o homem lhe respondeu:

          — Faltava...