Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

IZOTON - HUMOR

- Um blog de um brasileiro de Vila Velha-ES, elaborado em um Provedor português. Obrigado, Equipe SAPO! Este blog é feito com muito amor, e com muito humor. O meu lema: Viver a vida a sério, mas brincando. O meu objetivo: Fazer alguém sorrir.

IZOTON - HUMOR

- Um blog de um brasileiro de Vila Velha-ES, elaborado em um Provedor português. Obrigado, Equipe SAPO! Este blog é feito com muito amor, e com muito humor. O meu lema: Viver a vida a sério, mas brincando. O meu objetivo: Fazer alguém sorrir.

05.09.15

QUE MINEIRA


izoton

DESCONFIADA, SÔ!…

          Um fazendeiro mineiro (Minas Gerais - Brasil) resolveu ir a pé de volta para a sua fazenda. No caminho, ele parou em um Armazém, e comprou um balde, um galão de tinta, dois frangos vivos, e um ganso vivo. Quando ele saiu do Armazém, ele parou, e ficou pensando sobre como levar aquelas compras para a sua casa. Enquanto ele pensava, apareceu uma mulher que lhe disse estar perdida, e lhe perguntou:

          — O senhor pode me explicar como se chega até a Estrada das Andorinhas, nº 1603?

          E o mineiro lhe disse:

          — Bem, a minha fazenda fica bem próxima a esse local. E eu a levaria lá, mas eu ainda não sei como carregar todas essas coisas que eu comprei…

          Então a mulher lhe disse:

          — Uai, é muito simples: coloque o galão de tinta dentro do balde, e carregue o balde em uma das mãos. O ganso o senhor o segure na outra mão, e coloque cada um dos frangos debaixo de cada braço.

          E o mineiro lhe disse:

          — Ô, sô, muito obrigado! Essa é uma boa idéia, mesmo!

          Em seguida os dois caminharam com destino ao local que a mulher desejava encontrar. No caminho, o fazendeiro lhe disse:

          — Senhora, vamos cortar caminho, vamos pegar este atalho, pois assim economizaremos um bom tempo.

          A mulher olhou para o mineiro, meio de lado, e lhe disse:

          — Senhor, eu sou uma viúva solitária, e não tenho marido para me defender. Como saberei se quando estivermos no atalho o senhor não avançará em cima de mim, e levantará a minha saia para abusar de mim?

          E o mineiro lhe disse:

          — Isso é impossível de eu fazer, minha senhora, pois eu estou carregando um balde, um galão de tinta, dois frangos e um ganso, vivos. Como eu poderia fazer isso, com tanta coisa nas mãos, sendo que as aves fugirão, se eu as soltar?

          Então a mulher lhe disse:

          — Ô, sô, é muito simples: coloque o ganso no chão, e ponha o balde invertido sobre ele. Depois coloque o galão de tinta sobre o balde, e eu seguro os dois frangos, uai!…